Tag: Políticas Públicas

Os campos político e acadêmico e as influências acerca do discurso da educação especial: permanências e rupturas

Como a inter-relação entre os campos político e acadêmico interferem na constituição do campo da educação especial? Os conceitos de linguagem e campo ajudam na compreensão da coexistência temporal de perspectivas afins, distintas e antagônicas, configurando ao campo uma identidade multifacetada, refletindo o próprio movimento da sociedade e das políticas. Read More →

Docência na Educação de Jovens e Adultos em sistema prisional brasileiro e as políticas públicas

Estudo analisa as articulações entre as pesquisas acadêmicas e as políticas educacionais sobre a docência da Educação de Jovens e Adultos (EJA) em Espaços de Privação e Restrição de Liberdade (EPRL). Trata-se de uma abordagem qualitativa mediante estudos bibliográficos e análises documentais. Com isso foi possível compreender aspectos das diretrizes educacionais e de pesquisas articuladas às consequências para o trabalho docente, em vista de disputas e consensos produzidos no contexto das reformas neoliberais. Read More →

Políticas e iniciativas de cuidado a partir do protagonismo da pessoa idosa na Atenção Básica

Em uma sociedade onde envelhecer é vergonhoso, ousamos nos desprender do pragmatismo cartesiano que custeia a fabricação de individualidades conformadas às estruturas de poder e que desnaturaliza o envelhecimento para buscar alternativas não só de um protagonismo sociopolítico, mas de políticas singulares às necessidades das pessoas idosas. Read More →

Como inibir a incidência de corrupção e má gestão na aplicação dos recursos públicos destinados ao ensino básico?

A corrupção e a má gestão podem ser entendias como desperdício de recursos que ocorrem, principalmente, em função da atuação (comportamento) do agente político na execução das políticas públicas. Os resultados do estudo indicaram que a possibilidade de reeleição do prefeito e a atuação dos conselhos municipais afetaram significativamente a incidência de corrupção. Read More →

Efeitos das políticas públicas para a educação da juventude na América Latina

Estudos abordam as condições de escolarização de jovens na América Latina, mais especificamente na Argentina e na Colômbia. Seguindo temáticas diferentes, as pesquisas observam os efeitos de políticas públicas para os anos finais da Educação Básica. Os casos analisados evidenciam os efeitos das forças sociais e/ou econômicas para a conformação dos estudantes à ordem estabelecida, causando prejuízos a seus percursos formativos na escola. Read More →

Intersetorialidade: desafio para as políticas públicas

Estudos focalizam o tema da intersetorialidade nas políticas públicas no contexto das mudanças do capitalismo contemporâneo e dos retrocessos institucionais e políticos observados na sociedade brasileira. Destacam-se nos debates os desafios da gestão das políticas, das conexões intersetoriais e da gestão territorial. Read More →

Como acontece a representação social dos profissionais do sistema jurídico no caso de abuso sexual infantojuvenil?

É crescente o número de registros de abuso sexual de que são vítimas crianças e adolescentes. No combate à violência, têm papel de destaque juízes, psicólogos e assistentes sociais atuantes em processos judiciais. Suas representações sociais sobre o fenômeno são decisivas para uma adequada efetivação de políticas públicas. Read More →

Controlar as próprias emoções: existem diferenças entre crianças/adolescentes e adultos?

Pesquisadores brasileiros desenvolveram novos instrumentos para identificar a habilidade das pessoas em controlar as próprias emoções. O estudo concluiu que o controle das emoções diante de eventos tristes pode minimizar o desenvolvimento de doenças e, nessa medida, pode contribuir para a elaboração de novas políticas públicas. Read More →

Como acontece a representação social dos profissionais do sistema jurídico no caso de abuso sexual infantojuvenil?

É crescente o número de registros de abuso sexual de que são vítimas crianças e adolescentes. No combate à violência, têm papel de destaque juízes, psicólogos e assistentes sociais atuantes em processos judiciais. Suas representações sociais sobre o fenômeno são decisivas para uma adequada efetivação de políticas públicas. Read More →

Quais as convergências e divergências da BNCC com as demais políticas públicas educacionais brasileiras?

Estudo apresenta uma análise crítica das convergências e divergências da BNCC com as demais políticas públicas, especialmente às que se referem à alfabetização e letramento nos anos iniciais do ensino fundamental da educação básica. A abordagem se deu via pesquisa documental e análise de conteúdo das políticas da educação brasileira. Read More →