Tag: Saúde

O envelhecimento e as múltiplas faces das desigualdades no Brasil

O texto traz à discussão as desigualdades explicitadas em relação às pessoas idosas em tempos da COVID-19, deixando clara a face da pandemia no Brasil e a iminência de um gerontocídio. Evidencia-se a necessidade de que haja uma proteção social direcionada aos que envelhecem e aos que já estão envelhecidos. Read More →

É possível ampliar a qualidade assistencial e reduzir os custos de saúde para os idosos brasileiros

A transição demográfica e a melhoria dos indicadores sociais e econômicos no Brasil ampliaram o contingente de idosos, trazendo maior pressão fiscal sobre os sistemas de saúde público e privado, resultando na demanda crescente por serviços de saúde, que pode gerar escassez e/ou restrição de recursos. Estudo apresenta um modelo resolutivo, eficiente e de custo menor para esse grupo etário. Read More →

Revista Brasileira de Geriatria e Gerontologia participa de Semana Especial no Blog SciELO Perspectivas |Humanas

Revista Brasileira de Geriatria e Gerontologia (RBGG), participa da Semana Especial do Blog SciELO em Perspectiva | Humanas, entre os dias 22 a 26 de junho de 2020. Durante essa semana, será apresentado diariamente por meio da publicação de posts, entrevistas e vídeos, temas como o novo modelo de cuidado à pessoa idosa, o envelhecimento e as desigualdades, diabetes mellitus tipo II e síndrome da fragilidade, o papel da ciência na atualidade, racismo e envelhecimento e as vulnerabilidades das pessoas idosas institucionalizadas. Além disso, traz-se à pauta o engajamento cultural das pessoas idosas, o modo como as pessoas idosas são vistas nas políticas públicas e o futuro do periódico. Read More →

Deixar viver, deixar morrer: COVID-19 e desigualdade racial em saúde

A pandemia do coronavírus é um desafio para países que apresentam desigualdades profundas. No Brasil, negras e negros irão sofrer mais severamente os impactos da pandemia. Estudo apresenta dados e aspectos históricos sobre a vulnerabilidade da população negra e sugeridas ações de combate ao racismo e suas devastadoras consequências no contexto da COVID-19. Read More →

A atual pandemia de COVID-19 ilumina a importância da educação e trabalho em saúde

Pesquisadores brasileiros e portugueses fazem uma reflexão crítica sobre a educação, o trabalho e a educação em saúde. A educação é apresentada como espaço vivo de práticas onde se realizam o fenômeno da ‘formação’ e a preparação do indivíduo para o trabalho em saúde, fundamental no combate a pandemias, entre outras emergências de saúde pública. Read More →

A epidemia de Gripe Espanhola em Botucatu, São Paulo, 1918. “Bons Ares” para quem?

Pesquisa sobre a passagem da Gripe Espanhola em Botucatu, interior paulista, na primavera de 1918, levanta inédita documentação histórica, historiciza estratégias e iniquidades em contexto epidêmico e desconstrói mitos de origem, apresentando Igreja Católica, Maçonaria e Partido Republicano Paulista como forças sociais no socorro aos enfermos. Read More →

Qual a importância da qualidade de vida e do bem-estar nas organizações?

Estudos empíricos quantitativos abordam a temática do bem-estar nas organizações, analisando fatores presentes nas relações de trabalhos, como a prosperidade, a saúde mental dos trabalhadores, o presenteísmo, questões emocionais e psicológicas, comportamento e confiança, avaliando temas relativos à qualidade de vida organizacional em diversas esferas do trabalho. Read More →

Controlar as próprias emoções: existem diferenças entre crianças/adolescentes e adultos?

Pesquisadores brasileiros desenvolveram novos instrumentos para identificar a habilidade das pessoas em controlar as próprias emoções. O estudo concluiu que o controle das emoções diante de eventos tristes pode minimizar o desenvolvimento de doenças e, nessa medida, pode contribuir para a elaboração de novas políticas públicas. Read More →

Como as pessoas vivendo com HIV/Aids percebem sua saúde bucal?

Por meio de pesquisa qualitativa — grupos focais e entrevistas — em serviço de IST/Aids, sobre saúde bucal com PVHA, os pesquisadores observaram a necessidade de formação dos dentistas para além das técnicas e guidelines vigentes, destacando a importância da escuta e das relações dialógicas para ampliar a relação de cuidado. Read More →

O que pode a clínica na interface com a dança? Problematizações da saúde mental na Atenção Básica

A saúde mental na Atenção Básica é o tema de estudo que adentra uma unidade de saúde da família e convida a clínica a dançar. A pesquisa se utiliza do método cartográfico para apostar nas ressonâncias entre os campos da arte e da clínica. O chão torna-se aliado na proposta de uma clínica que faça proliferar sentidos. Read More →