Tag: Revista Brasileira De Estudos Pedagógicos

Construção de brinquedos orienta elaboração de novas técnicas etnográficas de pesquisa com crianças

Menina de costas, usando tênis preto, calça azul marinho e blusa de manga longa branca e cinza, se apoia em uma árvore com a mão esquerda para subir um degrau. Mais adiante, uma menina vestindo agasalho rosa e touca de crochê lilás caminha em direção a uma escola visível ao fundo da fotografia.

São apresentadas novas técnicas etnográficas de entrada em campo em pesquisas com crianças na escola. No caso exemplificado, trabalhando com crianças de seis anos, as pesquisadoras narram a elaboração de uma metodologia baseada na construção de brinquedos, que surge justamente da interação com as crianças, facilitando o desenvolvimento da pesquisa de campo. Read More →

Os encontros epistêmicos entre John Dewey e Paulo Freire

Cinco crianças de costas, vestindo fantasias de super-heróis em um parque com árvores e gramado. Acima da fotografia, há um quadro branco com desenhos de planetas e astros.

Dewey e Freire compartilham diversas convergências epistemológicas em suas pedagogias. Ambos enfatizam a curiosidade como impulso inicial para o conhecimento, influenciando o pensamento reflexivo e a lógica pedagógica. O encontro epistêmico e a crítica ao tradicionalismo educacional são basilares em suas filosofias. Read More →

As contribuições de Anísio Teixeira para a educação brasileira

Retrato em preto e branco de Anísio Teixeira vestindo terno e óculos, com as mãos descansando sobre uma mesa, olhando para a sua esquerda.

A trajetória político-social e intelectual de Anísio Teixeira o elevou à condição intelectual de maître penseur, um contraponto à sua origem social humilde. Anísio foi uma figura de grande relevância para a educação no Brasil, desempenhando um papel fundamental na criação e gestão de diversas organizações e políticas públicas educacionais. Seu impacto e legado continuam a moldar o panorama educacional brasileiro até os dias atuais. Read More →

O uso da comunicação alternativa para a alfabetização de uma criança com deficiência intelectual

Painel vermelho com um alfabeto, onde, ao lado de cada letra, há uma representação visual de um objeto cujo nome começa com a mesma letra do alfabeto.

As pessoas com deficiência, estando historicamente à margem da sociedade, apresentam hoje altos índices de analfabetismo. A utilização da Comunicação Alternativa em intervenções pedagógicas para a compreensão do Sistema de Escrita Alfabética com uma criança com deficiência intelectual demonstrou ser eficaz como tecnologia assistiva em alfabetização. Read More →

A importância de Josildeth Consorte na aproximação dos campos da Antropologia e Educação

Foto de Josildeth Gomes Consorte.

A antropóloga Josildeth Consorte destacou-se nas décadas de 1940 e 1950 por unir Antropologia e Educação. Sua participação no Projeto Columbia, organizado por Anísio Teixeira, foi fundamental para a criação do Centro Brasileiro de Pesquisas Educacionais (CBPE). Read More →

Estratégias para a prevenção da violência em contexto escolar

Foto de duas jovens usando mochila. Elas estão de costas, andando na rua e com o braço sobre o ombro uma da outra. Mais a frente, outros jovens estão caminhando.

A análise das percepções de diretores de escolas estaduais mineiras acerca das estratégias adotadas na prevenção e intervenção da violência escolar mostra que escolas concentram a sua atuação na prevenção primária, trabalhando para melhorar o clima escolar, mas ainda carecem de recursos para intervir e prevenir casos mais graves. Read More →

A mediação docente, as performances e a produção das narrativas orais das crianças na pré-escola

Foto. Duas bonecas de pano na frente de um baú. Na frente das bonecas, três velas coloridas sobre um pano amarelo. Ao redor do baú, das bonecas e das velas, vários desenhos.

Por meio de Ateliês Narrativos que procuraram evidenciar as diferentes vozes e as múltiplas linguagens das crianças, foi observada a relevância de um trabalho pedagógico intencional que possibilite a escuta e a produção de performances narrativas no contexto pré-escolar, contribuindo para o desenvolvimento das competências linguísticas orais das crianças. Read More →

ENEM só serve para avaliar? Não, serve também para ensinar Matemática!

Foto de quatro pessoas em uma sala de aula. Cada um segura uma caneta e escreve em um papel. Elas parecem estar concentradas e sérias.

Questões do Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) podem servir como ponto de partida para o ensino da Matemática mediado pela Modelagem Matemática, uma alternativa pedagógica que pressupõe a investigação de situações-problema associadas à realidade e que tem potencial para promover discussões alinhadas à Educação Matemática Crítica. Read More →

Projeto artístico promove enriquecimento musical em escola e permite a identificação do talento

Foto de peça de teatro encenada por duas crianças. Uma menina usando um vestido que vai até os pés segurando microfone. Um menino com roupa social segura um microfone. Ele está com um joelho no chão e segurando a mão da menina.

A produção do espetáculo “O Fantasma da Ópera” em uma turma de 5° ano teve como objetivo o enriquecimento musical e a identificação do talento entre os alunos, além de viabilizar o trabalho colaborativo entre professores. Cada indivíduo sentiu-se engajado e motivado com a possibilidade de escolher sua contribuição na atividade. Read More →

Experiências sobre a materialidade do “lugar de corpo” em uma sala de aula remota

Montagem: homem sentado olhando para o computador. Na tela, uma vídeo chamada com várias pessoas presentes e uma mulher apresentando um quadro com anotações.

Com o relato de experiências em disciplinas lecionadas em ambiente virtual na pandemia de covid-19 foi possível pensar a relação entre os Estudos Culturais e a Educação. O resultado foi o uso do conceito de “lugar de corpo” para abordar as diferenças, sendo esta uma aplicação que pode ser feita em outras disciplinas de humanidades. Read More →