Category: Ciências Sociais Aplicadas

Investindo na desigualdade: a distribuição de investimentos públicos em Curitiba

As desigualdades socioespaciais das cidades brasileiras reduzem o direito à cidade. Ao mesmo tempo, a aplicação de investimentos públicos em infraestrutura urbana parece reforçar padrões de disparidade. Cabe, então, discutir quais as soluções para uma melhor distribuição de investimentos nas cidades brasileiras. Read More →

Como a experiência estrangeira pode impactar na gestão de uma empresa?

Artigo identifica impactos da presença de conselheiros estrangeiros no conselho de administração de empresas listadas na B3, considerando variáveis como experiência acadêmica e profissional estrangeira, e os efeitos sobre indicadores de rentabilidade, trazendo à tona resultados interessantes a respeito de visões já institucionalizadas no ambiente de governança corporativa. Read More →

Novas coalizões urbanas hegemônicas: os laços entre capital financeiro, capital imobiliário e agentes do Estado

Estudo utiliza dados relativos a doações eleitorais para analisar o possível surgimento de coalizões urbano-imobiliário-financeiras nas grandes metrópoles brasileiras. O autor aponta para a necessidade de um entendimento mais espacialmente contextualizado para compreender a dinâmica política da acumulação urbana. Read More →

Fatores emocionais e seu impacto para a atividade empreendedora

Estudo avalia a importância de fatores emocionais para a atividade empreendedora, analisando relações entre variáveis como paixão empreendedora, criatividade, intenção empreendedora e autoeficácia como fator mediador entre criatividade e intenção de empreender. A originalidade da pesquisa destaca a contribuição das universidades para a atividade empreendedora. Read More →

Desafios do presente e um olhar para o futuro da RAE

A Semana Especial da RAE trouxe a oportunidade de apresentar artigos que narram um pouco da trajetória do periódico em seus 60 anos, desde suas características iniciais, até a adoção de critérios mundialmente padronizados e o ingresso em indexadores internacionais. Os problemas enfrentados no presente e os desafios futuros, como a concorrência com periódicos de alto impacto internacional, mantidos majoritariamente por publishers e a promoção de pesquisas de maior inclusão e impacto social, são parte das reflexões que permearam a seleção de textos da RAE. Read More →

Inclusão e diversidade na Administração: manifesta para o futuro-presente

O artigo-manifesta discute o papel das revistas acadêmicas em Administração para inclusão e diversidade. Partindo de referenciais teóricos dos movimentos sociais (interseccionalidade, transversalidade e decolonialidade), apresentamos uma proposta de agenda de transformações para as práticas sobre diversidade Read More →

Revistas acadêmicas no campo científico de Administração: estrelas ou coadjuvantes?

Como as revistas acadêmicas acompanham e refletem a dinâmica do campo de Administração no Brasil? Como esses atores se posicionam nesse espaço? Essas indagações norteiam o trabalho, que analisa a dinâmica do campo e reforçam estratégias da contribuição científica dos periódicos. Read More →

Estudos organizacionais: o desafio de olhar para o passado e ampliar a agenda de pesquisa

O artigo apresenta um breve levantamento dos pioneiros desse campo de pesquisa no Brasil e o desenvolvimento da área de Estudos Organizacionais no país. A reflexão propõe então um olhar para o futuro, trazendo o que há de conhecimento de ponta do exterior para o Brasil, procurando ressignificá-lo com os conhecimentos locais, bem como levar para o exterior, todo o conhecimento local. Read More →

Pós-capitalismo: o surgimento do gerencialismo democrático

A partir do final dos anos 1970, o capitalismo experimentou uma fase regressiva e, desde 2008, entrou em crise terminal. Em seu lugar, o autor sugere que está surgindo uma nova organização social, que o autor denomina “gerencialismo democrático”. Read More →

Estudos organizacionais históricos e o desafio do pluralismo e inclusão

As pesquisas nessa temática não são recentes, mas nos últimos anos há uma aproximação entre os estudos de história, história de negócios e o campo da administração, bem como entre memória social e memória organizacional. No Brasil, pesquisadores já estabelecidos no campo de estudos organizacionais influenciaram a formação de jovens pesquisadores com novas temáticas, e os temas dos grupos de estudos aqui formados aproximaram-se dos debates internacionalmente promovidos. Read More →