Category: Linguística, Letras E Artes

Machado de Assis em linha atualiza debate sobre a correspondência do escritor

Dois estudos da Mael publicados no número 21 abordam a correspondência de Machado de Assis: num deles, avalia-se a possibilidade de Machado ser o autor de uma crítica a Aluíso Azevedo; no outro, há uma análise da Correspondência de Machado de Assis que mensura o potencial desta publicação para o aprofundamento dos estudos machadianos. Read More →

MAEL apresenta dois ensaios pouco conhecidos de Antonio Candido sobre Machado de Assis

O periódico Mael, no número 21, apresenta a seus leitores dois ensaios de Antonio Candido que tratam de Machado de Assis: “Duas Notas”, de 1947, e “Prefácio de um livro”, de 1958. Embora não sejam inéditos, vale ressaltar que o exame e divulgação dos textos são, até este momento, diminutos. Read More →

Bakhtinianos brasileiros históricos em Bakhtiniana

O número 2 de 2017 da Bakhtiniana, entre os diferentes estudos do discurso publicados, destaca aqueles de três bakhtinianos brasileiros que já podemos considerar históricos: Beth Brait, Carlos Alberto Faraco e Irene Machado, todos eles envolvidos com a perspectiva dialógica da linguagem ao menos desde a década de 1980. Read More →

Relação entre literatura e ética é tema da Estudos de Literatura Brasileira Contemporânea

Em seu 51º número, Estudos de Literatura Brasileira Contemporânea apresenta uma seleção de artigos que discutem a relação entre a literatura e a ética na contemporaneidade e reúne uma série de entrevistas realizadas com autores/as negros/as, que falam sobre as diversas questões que perpassam suas produções. Read More →

Estudos de Literatura Brasileira Contemporânea comemora a publicação de seu 50º número

O periódico Estudos de Literatura Brasileira Contemporânea acaba de publicar o 50º número, com um dossiê especialmente pensado para apresentar um panorama do estado da arte hoje. No ano em que se comemoram os 20 anos de criação do Grupo de Estudos em Literatura Brasileira Contemporânea, esta publicação é o pontapé inicial de uma série de eventos que acontecerão ao longo de 2017. Read More →

Estudos recuperam produções poéticas de Machado de Assis

Pesquisadores apresentam dois estudos sobre a poesia de Machado de Assis. Num deles, o autor discute o processo de distanciamento do jovem poeta em relação ao ideário da poesia romântica. No outro, a autora examina o posicionamento teórico e prático de Machado de Assis em relação aos tipos de versificação presentes em língua portuguesa. Read More →

Veredas da razão e da loucura em Machado e Rosa

Pesquisadora publica estudo sobre os contos “O Alienista”, de Machado de Assis, e “Darandina”, de Guimarães Rosa, considerando a maneira particular que cada autor explorou as relações entre o poder e o discurso psiquiátrico. O artigo propõe a possibilidade de um diálogo explícito de Rosa com Machado e explica as afinidades e diferenças entre as narrativas. Read More →

Marxismo e filosofia da linguagem, 37 anos depois da primeira tradução brasileira

A obra de Voloshinov, Marxismo e filosofia da linguagem, publicada na Rússia em 1929, e traduzida do francês para o português no Brasil em 1979, continua levantando importantes questões entre intelectuais das Ciências Humanas: quais os contextos originais de produção e recepção? E das traduções? Como novas traduções propõem novos diálogos e leituras? Essas e outras questões o artigo “MFL em contexto: algumas questões” tenta responder. Read More →

Como o dialogismo pode fundamentar a compreensão de diferentes fenômenos e práticas sociais?

O número 3 de 2016 de Bakhtiniana propõe diálogos variados que nos levam a compreender fenômenos tão diversos quanto a literatura e a teoria literária, as ciências da linguagem, as artes plásticas, o sincretismo religioso, questões éticas e estéticas desde o começo da vida, e ainda o modo como a literatura de cordel vê a ciência. Além deles, uma entrevista com Boris Schnaideman (*1917 – †2016) e três resenhas de obras atuais. Read More →

Artigo estuda Machado de Assis em letra e música

Musicólogos de Minas Gerais recuperam partitura da versão do compositor Hostílio Soares para um dos poemas mais famosos de Machado de Assis, o soneto “A Carolina”, e estudam as relações entre a musicalidade da canção e do poema, homenagem póstuma do escritor à sua esposa e companheira por 35 anos. Read More →