Tag: Ensaio: Avaliação E Políticas Públicas Em Educação

Dilemas e Perspectivas Internacionais na Formação de Professores

Um grupo de pessoas em roda com as mãos estendidas entre elas dando a ideia de união e trabalho em equipe.

Formar professores para atuarem no contexto da diversidade cultural é etapa fundamental para a educação transformadora. Como articular teoria e prática nessa formação tem sido um desafio, no Brasil e no exterior. Neste sentido, busca-se, a partir de experiências nacionais e internacionais, apresentar desafios e possibilidades para o tratamento dessa questão. Read More →

O papel da Autoestima e Motivação na promoção aprendizagem on-line de mulheres reclusas

Ilustração em preto e branco mostrando uma mulher na prisão

O artigo apresenta um estudo descritvo-correlacional, focado na autoestima e motivação para aprender com recurso às tecnologias digitais de 12 mulheres reclusas de um estabelecimento prisional português, a frequentar uma formação em e-learning. Foi estudada relação entre estas variáveis com a idade, tempo de reclusão e duração da pena. Read More →

A avaliação educacional na produção científica vista por meio de análise de redes sociais

A produção científica brasileira sobre a Avaliação Educacional está principalmente localizada em instituições públicas da região sudeste do país. Suas publicações têm reduzido número de pesquisadores, estão centradas no Ensino Superior e abordam uma temática geral dispersa, mais preocupada com validações de testes específicos do que com qualidade da Educação. Read More →

Analisando percepções de acadêmicos sobre o processo de internacionalização universitária

A relevância da internacionalização no âmbito do ensino superior tem sido cada vez mais enfatizada. Entretanto, como tal processo tem sido percebido, a partir de literatura recente e de acadêmicos, constitui-se em tema premente de pesquisa. Read More →

Pandemia, ensino remoto e universidades públicas no Brasil: exclusão digital e falta de diálogo

Foto: uma sala de aula com várias cadeiras vazias.

No início de maio de 2020, de 69 universidades federais, cerca de 20% estavam funcionando de forma remota ou em regime de atividades parciais, atendendo à 22,5% dos estudantes matriculados, ou seja, quase 80% ficaram fora das salas de aulas remotas, demonstrando o despreparo das universidades e uma alarmante exclusão digital. Read More →

Um indicador de heterogeneidade para escolas municipais de Ribeirão Preto

Esse artigo aborda a construção de um indicador de heterogeneidade para escolas da rede municipal de Ribeirão Preto (SP) a partir de uma análise estatística multivariada de componentes principais (ACP) para estabelecer padrões de desempenho escolar para o 5° e o 9° ano do Ensino Fundamental dessas escolas. Tal indicador foi capaz de evidenciar a existência de diferentes padrões de evolução da proficiência escolar em Matemática e Português tanto no 5° quanto no 9° ano do ensino fundamental, o que pode auxiliar quando do estabelecimento de políticas públicas. Read More →

Educação de idosos no Brasil: entre desafios e esperanças

Nesse artigo, abordamos o acesso da população idosa à Educação Formal no Brasil, uma reflexão de grande importância, uma vez que ainda é bastante significativa a parcela dessa população que tem sido privada do bem simbólico que a Educação constitui. Read More →

Educação e pandemia: que fazer agora e depois?

Como caixa de ressonância de desigualdades, a pandemia faz retroceder conquistas do direito à educação. As tecnologias não substituem a escola presencial, de modo que o retorno precisa ser preparado com atenção à saúde física e mental de todos os atores, recuperando os estudantes desistentes e o déficit de aprendizagem. Read More →

O mercado da competência linguística e o nível socioeconômico

Competência linguística é essencial para sucesso na vida escolar e laboral. Alguns autores defendem a tese de que a escola seria o principal locus para legitimar e perpetuar diferenças de classe. Parte do sucesso no manejo da língua oral/escrita é herança familiar. A escola não consegue equalizar estas diferenças. Isso é patente nos dados dos egressos do nível superior no Brasil. Read More →

Educação Permanente Digital e Instituições de Ensino Superior: potenciais e desafios multiculturais em período de pandemia\

O artigo objetiva discutir a aprendizagem digital para a Educação ao longo da vida em nível universitário no Brasil. Apresenta conceitos de aprendizagem digital em abordagens multiculturais dentro de paradigmas ao longo da vida e contextualiza políticas educacionais na área. Discute a aprendizagem digital no contexto do início da pandemia COVID-19 no Brasil, analisando vantagens e desafios multiculturais nas diretrizes curriculares e nas respostas universitárias à questão. Read More →