Tag: Rgo – Revista Gaúcha De Odontologia

Como a COVID-19 afetou a odontologia

Um surto de uma pneumonia causada por coronavírus partiu da China para o mundo, dentistas foram classificados como profissionais de altíssimo risco. A COVID-19 será um marco para as atuais gerações de profissionais da saúde, podendo ser um avanço para utilização de tecnologias a distância e integralização de novas técnicas de biossegurança. Read More →

Quais são as especificidades no atendimento odontológico a crianças que tiveram infecção congênita pelo vírus Zika?

Indivíduos com Síndrome Congênita do Vírus Zika requerem cuidados especiais durante o atendimento odontológico, o qual deve ser integrado a uma equipe multiprofissional. O cirurgião-dentista deve conhecer as comorbidades que podem estar presentes e como lidar com cada uma delas, de forma a proporcionar maior segurança e qualidade na atenção. Read More →

Qual barreira biológica é eficaz para contenção de aerossóis em consultórios e clínicas odontológicas em tempos de COVID-19?

A prática odontológica em tempos de pandemia tem sido um desafio, mas um estudo preliminar utilizando a Barreira Individual de Biossegurança Odontológica – BIBO se mostrou eficiente para reduzir a dispersão de gotículas e aerossóis geradas no uso da turbina de alta rotação. Seu uso pode ser uma alternativa para a melhoria da biossegurança em consultórios e clínicas. Read More →

A Odontologia na linha de frente ao combate da COVID-19

Frente à COVID-19 e à grande possibilidade de transmissão da doença nos consultórios odontológicos, alguns governos, inclusive o brasileiro, solicitaram, logo que o distanciamento social foi decretado, o adiamento de procedimentos e, até mesmo, o fechamento dos espaços. Saiba mais sobre as formas de prevenção e as perspectivas desse cenário. Read More →

Odontologia hospitalar contribuindo para o controle de infecções hospitalares

O estudo avaliou as condições de saúde bucal de idosos hospitalizados, restritos ao leito e correlacionou com a ocorrência de pneumonia nosocomial, verificando se o acompanhamento odontológico pode contribuir para o controle de infecção hospitalar. Observou-se melhora nas condições de saúde bucal, destacando-se a importância da presença do cirurgião-dentista na equipe multidisciplinar hospitalar. Read More →

Como tratar hiperplasia fibrosa inflamatória em adolescentes?

A hiperplasia fibrosa inflamatória é comumente relatada na população adulta e idosa, e principalmente associada ao uso de próteses dentárias mal adaptadas. Porém, a baixa prevalência em crianças e adolescentes faz com que seja ainda mais imprescindível que o cirurgião-dentista conheça as características clínicas e esteja atento para determinar o diagnóstico e tratamento clínico oportuno nessa população. Read More →

O que sabemos sobre os cuidados odontológicos para pacientes com Microcefalia ocasionada pelo Zika vírus?

A epidemia do Zika vírus representa um sério problema de saúde pública devido a relação com a ocorrência de microcefalia. Pacientes diagnosticados com essa malformação congênita podem apresentar alterações cognitivas, motoras e neurológicas relevantes. Diante desse cenário, qual é a conduta do cirurgião-dentista no tratamento odontológico desses pacientes? Read More →

Qual o papel dos responsáveis no cuidado da saúde bucal de crianças em tratamento oncológico?

Estudo demonstra a importância dos cuidados com a saúde bucal de crianças oncológicas, que muitas vezes diante de tratamentos tão extensos, debilitantes e complexos, acaba sendo negligenciado, isso prejudica o tratamento. Porém, a saúde bucal influencia diretamente na saúde geral, e consequentemente na qualidade de vida desses pacientes. Assim, identificamos que os responsáveis têm conhecimento e reconhecem a importância dos cuidados com a saúde bucal, para estes pacientes, mas a grande maioria não coloca em prática. Read More →

Doenças autoimunes bolhosas com manifestação em mucosa oral

As doenças autoimunes bolhosas podem afetar pele e superfícies mucosas, sendo geralmente a boca o sítio de acometimento primário. Dentre elas, destacam-se o pênfigo vulgar e o penfigoide das membranas mucosas, que se caracterizam por bolhas que se rompem deixando áreas ulceradas dolorosas e, mesmo sob tratamento, essas lesões mostram-se de difícil controle. Read More →

Há iniquidades no uso de serviços de saúde bucal por crianças no SUS?

Estudo descreveu o uso dos serviços de saúde bucal e as situações de atendimento (concluído, evasão, encaminhamento para a atenção secundária) entre crianças com necessidade de tratamento odontológico, usuárias do Sistema Único de Saúde de Belo Horizonte, Minas Gerais. A pesquisa revela uma iniquidade persistente no uso e resolutividade dos serviços de saúde bucal pelas crianças avaliadas. Read More →