Category: Press Releases

Violência e resistência na luta pela terra em Minas Gerais

Trabalho analisa as mediações políticas que sustentaram a resistência dos posseiros na comunidade de Cachoeirinha no norte de Minas Gerais, frente às forças conservadoras e militares nas décadas de 1960 a 1980. O estudo inédito tem como enfoque a estratégia de luta mobilizadas pelos camponeses da região em um momento político de forte repressão. Read More →

Os livros como ferramentas para uma Boa Vizinhança: exportação e comércio editorial durante a Segunda Guerra

Como era o comércio editorial durante a Segunda Guerra Mundial? Estudo analisa os primeiros passos de uma política de aproximação intelectual entre Brasil e Estados Unidos durante a década de 1940, evidenciando como projetos editoriais e questões políticas podem estar profundamente articulados. Read More →

Os partidos políticos são internamente democráticos?

Estudo discute a organização interna dos partidos brasileiros, a partir da análise dos seus estatutos. Verifica a existência de marcadores oligárquicos, demonstrando que as regras e as práticas de gestão partidária conduzem a ambientes internos não-democráticos. A pesquisa aponta para um desafio: como democratizar os operadores da democracia? Read More →

Políticas educacionais: privatização do ensino e rotatividade docente

Dois temas centrais para as políticas educacionais são destaque em Educação e Pesquisa. Primeiro, a privatização da educação na América Latina, região em que mais aumentaram as matrículas privadas na educação básica, é abordada a partir da economia política da reforma educacional. O segundo discute as diferenças entre escolas de uma mesma rede pública a partir da rotatividade de professores, colocando à vista desigualdades no que tange à qualidade da educação oferecida. Read More →

Excesso de peso e adolescência: quais os principais fatores envolvidos?

Quais fatores contribuem para o excesso de peso nos adolescentes? Estudo envolvendo 635 adolescentes de escolas públicas estaduais foi realizado por pesquisadores da Universidade Estadual de Montes Claros e revelou um achado não muito comum entre os frequentemente encontrados em publicações envolvendo o excesso de peso em adolescentes. Read More →

Qual a importância do discurso indireto livre na composição de “Quincas Borba”, de Machado de Assis?

Machado de Assis potencializa a força dos eventos narrados em Quincas Borba por meio de um jogo de aproximação e distanciamento que o narrador executa em relação aos personagens. Para isso, o discurso indireto livre é procedimento fundamental, cuja importância aumentou na passagem da versão publicada no periódico “A Estação” para a versão em livro. Read More →

Novos estudos acerca da recepção da obra de Machado de Assis

Periódico publica dois novos estudos que tratam da recepção da obra de Machado de Assis. Em um deles, pesquisadores abordam textos críticos publicados acerca de Papéis Avulsos; já no outro, pesquisadora esmiúça a recepção do teatro machadiano em articulação com o processo de consagração literária do autor. Read More →

Promoção da saúde como direito e dever individual e coletivo

A América Latina e o Caribe (ALC), o Brasil em particular, enfrentam uma acelerada transição demográfica, cenário de um quadro epidemiológico complexo e dinâmico, no qual há convivência de doenças transmissíveis persistentes, que emergem e reemergem com doenças crônicas não transmissíveis de carga crescente, além de alta morbimortalidade por acidentes de trânsito e violências. Read More →

Nos bastidores da absolvição de Capitu: correspondências inéditas de Helen Caldwell

Estudo apresenta cartas inéditas em que Helen Caldwell formulou as principais ideias defendidas em The Brazilian Othello of Machado de Assis (1960), livro pioneiro que coloca em questão a veracidade do discurso do narrador em Dom Casmurro, de Machado de Assis. Read More →

Quem convocou o primeiro protesto pelo impeachment de Dilma?

Quem convocou o primeiro protesto pelo impeachment de Dilma Rousseff ainda em 2014? A mídia e a academia voltaram sua atenção para lideranças e movimentos que despontaram entre 2015 e 2016, no entanto, o fenômeno político que deu origem às mobilizações começou a se consolidar antes mesmo da existência do Facebook, Twitter, e YouTube, quando a rede social mais popular no Brasil era o Orkut. Read More →