Tag: Revista De Administração Mackenzie

Frota própria X frota locada: novo marco para tomada de decisão

Ilustração vetorizada. Fundo verde e sólido. Uma mulher branca de cabelo preto e liso está sorrindo e olhando para frente. Ela usa um headset, segura com uma das mãos o microfone e com a outra ela aponta para uma figura do planeta terra. Ao redor do planeta as figuras prédio, carro, casa, caminhão, moto, ônibus e barco.

Propõe-se um marco para auxiliar na tomada de decisão do órgão público a respeito da frota ser própria ou locada, combinando aspectos dos modelos Utilidade Multi-Atributo de engenharia econômica e do Custo Total de Propriedade (Total Cost of Ownership – TCO), considerando as preferências dos gestores e respeitando as restrições orçamentárias. Read More →

Relacionamento cliente x prestador de serviços: impactos da pandemia

Ilustração mostrando dois notebooks um de frente para o outro. Do notebook à esquerda está saindo da tela uma mão segurando um cartão de crédito e do notebook à direita está saindo da tela uma mão segurando uma sacola de compras.

Pesquisa sobre relacionamento entre cliente e prestadores de serviços durante e após a pandemia mostra que quanto maior a confiança do cliente no prestador de serviços antes do início da pandemia, maiores serão as chances de que esse relacionamento se conserve ao longo da pandemia, aumentando as intenções de recompras futuras. Read More →

Como ocorre o fenômeno Queen Bee em Instituições de Ensino Superior?

Ilustração de uma mulher branca de terno com uma mão apontando e outra estendida. Ao lado uma lista de tarefas e um lápis flutuando acima da mão estendida.

Aplicação do fenômeno quee bee ao caso da Instituições de Ensino Superior (IES), que analisa como a presença de uma mulher atrai outras mulheres para exercer a profissão naquela instituição, mostra que o domínio do conhecimento é um fator que influencia mais a ocorrência do fenômeno em relação às variáveis organizacionais. Read More →

Recursos organizacionais predominam nas estratégias internacionalização de PMEs de Países Emergentes

As Pequenas e Médias Empresas (PMEs) de países emergentes possuem poucos recursos para inovação no espaço do mercado global. Dentre os recursos utilizados para o desenvolvimento da internacionalização de PMEs encontra-se o predomínio do uso de recursos organizacionais, tais como os gerenciais, operacionais, e de conhecimento e estrutura organizacional. Read More →

Transformação Digital: a constante necessidade de adaptação

Transformação digital é um assunto que está presente em uma série de linhas de pesquisa, com destaque para o campo da administração. Discussões importantes para o avanço da literatura, abordando questões organizacionais, educacionais, e relativas à esfera pública, destacando o impacto da velocidade observada nas rupturas tecnológicas e evidenciando a constante necessidade de adaptação estão no escopo da área, e enriquecem o debate sobre o tema. Read More →

Como avaliar e selecionar projetos de mobilidade urbana?

Estudo propõe método alternativo para a avaliação de projetos econômicos focados na solução de problemas de mobilidade urbana. Por meio do escalonamento multidimensional, considerando a análise multivariada, os resultados mostraram que a combinação de variáveis econômicas, financeiras e espaciais é eficaz como critério para seleção dos projetos. Read More →

Aspectos dos custos de transação no setor de varejo farmacêutico brasileiro

Estudo avaliou as dimensões analíticas das transações e o comportamento oportunista no setor varejista brasileiro. Por meio da modelagem por equações estruturais foi possível testar simultaneamente as relações propostas no arcabouço da Teoria dos Custos de Transação (TCT) e encontrar resultados empíricos que contribuem para o avanço do conhecimento sobre o tema. Read More →

Como a experiência estrangeira pode impactar na gestão de uma empresa?

Artigo identifica impactos da presença de conselheiros estrangeiros no conselho de administração de empresas listadas na B3, considerando variáveis como experiência acadêmica e profissional estrangeira, e os efeitos sobre indicadores de rentabilidade, trazendo à tona resultados interessantes a respeito de visões já institucionalizadas no ambiente de governança corporativa. Read More →

Fatores emocionais e seu impacto para a atividade empreendedora

Estudo avalia a importância de fatores emocionais para a atividade empreendedora, analisando relações entre variáveis como paixão empreendedora, criatividade, intenção empreendedora e autoeficácia como fator mediador entre criatividade e intenção de empreender. A originalidade da pesquisa destaca a contribuição das universidades para a atividade empreendedora. Read More →

Como crises financeiras impactam na estrutura de capital das empresas?

Estudo avalia impactos das crises financeiras de 2002, 2008 e 2015 em estrutura de capital de empresas brasileiras, considerando variáveis como endividamento, fontes de financiamento, alavancagem, dentre outras. Os resultados ilustram a influência das crises mencionadas para as modificações na estrutura de capital das empresas no período analisado. Read More →