Pesquisa analisa a viabilidade do sistema lavoura-pecuária

Maria Luiza De Grandi, jornalista da revista Ciência Rural. Santa Maria, Rio Grande do Sul, Brasil.

Marcela Vinholis, pesquisadora da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa). Brasília, Distrito Federal, Brasil. 

Apresentando-se como uma estratégia de produção agrícola que integra as culturas de plantio anual e a pecuária, os sistemas de integração lavoura-pecuária vêm sendo apresentados como uma alternativa à forma de plantio tradicional, para a manutenção ou aumento da produtividade e, também, para a recuperação indireta de pastagens. Nestes sistemas, colheitas não são introduzidas como componentes eventuais, mas fazem parte de um sistema em que a produção de grãos e animais interage e complementam outros em aspectos como manejo do solo, fertilidade, física e biologia, melhorando a lucratividade da fazenda e trazendo avanços sociais para as áreas rurais (MACEDO, 2009).

Com o objetivo de analisar a viabilidade econômica e o risco financeiro associado a um projeto de investimento em integração lavoura-pecuária com foco para a produção de animais de corte em São Carlos, no estado de São Paulo, pesquisadores da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) em parceria com a Universidade Federal de São Carlos (UFSCar), desenvolveram a pesquisa “Viabilidade econômica de um sistema de integração lavoura-pecuária”, publicada no periódico Ciência Rural (v.51, nº 2).

Como metodologia da pesquisa, foi utilizada a simulação Monte Carlo, que estimam dados e projeções futuras. Os resultados obtidos mostraram que a implantação de um sistema de integração lavoura-pecuária no estado de São Paulo é economicamente viável. “A rotação milho-pastagem para terminação de bovinos de corte apresentou taxa interna de retorno superior e risco de mercado menor do que o sistema de produção pecuária convencional a pasto.”, explica a pesquisadora Marcela Vinholis.

Imagem: Embrapa.

Na prática, os resultados podem nortear ações de programas de transferência de tecnologia e capacitação de técnicos da extensão rural e é útil para o produtor rural tomar a decisão em adotar ou não certa tecnologia, neste caso, um sistema de integração lavoura-pecuária. “Ofertar ao tomador de decisão informações como as apresentadas neste estudo auxilia na decisão mais assertiva e no uso de estratégias para minimizar os riscos.”, enfatiza Vinholis.

Os sistemas de integração são uma estratégia de produção agropecuária mais sustentável e fazem parte do “leque” de tecnologias sustentáveis do Plano ABC para o Brasil alcançar as metas de redução das emissões de GEE estabelecidas no Acordo de Paris. “Assim, pesquisas que auxiliem no fomento da adoção destas práticas contribuem para o aumento da produção agropecuária com menor impacto ambiental.”, finaliza a pesquisadora.

Referências

MACEDO, C. A. A. et al. Analysis of economic and financial viability and risk evaluation of a wind project with Monte Carlo simulation. Gestão e Produção [online]. 2017, vol.24, no.4, pp.731-744 [viewed 07 June 2021]. https://doi.org/10.1590/0104-530X3439-16. Available from: http://ref.scielo.org/g57tbp

Para ler o artigo, acesse

VINHOLIS, M. M. B., et al. Viabilidade econômica de um sistema de integração lavoura-pecuária. Ciência Rural [online]. 2021, vol. 51, no. 2 [viewed 07 June 2021]. https://doi.org/10.1590/0103-8478cr20190538. Available from: http://ref.scielo.org/x8fxf4

Links externos

Ciência Rural – CR: https://www.scielo.br/cr

Ciência Rural: http://coral.ufsm.br/ccr/cienciarural/

 

Como citar este post [ISO 690/2010]:

GRANDI, M. L. and VINHOLIS, M. Pesquisa analisa a viabilidade do sistema lavoura-pecuária [online]. SciELO em Perspectiva | Press Releases, 2021 [viewed ]. Available from: https://pressreleases.scielo.org/blog/2021/06/07/pesquisa-analisa-a-viabilidade-do-sistema-lavoura-pecuaria/

 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Post Navigation