Em qual região do disco articular encontramos a maior concentração de tensões quando uma mentoneira ortopédica é instalada?

Por Flávio Siqueira Calçada, Mestre em Disfunção Temporomandibular e Dor Orofacial pela Faculdade de Odontologia São Leopoldo Mandic, Campinas, SP, Brasil

Utilizando simulação computadorizada, pesquisadores da Faculdade de Odontologia São Leopoldo Mandic, em Campinas (SP), avaliaram as tensões presentes do disco articular durante a terapia com mentoneira ortopédica e verificaram que as tensões estavam mais presentes na superfície inferior do modelo tridimensional do disco articular, onde o côndilo mandibular mantém contato com a estrutura. Os resultados estão disponíveis no artigo “Distribution of stress on TMJ disc induced by use of chincup therapy: assessment by the finite element method”, publicado no volume 22, número 5 do Dental Press Journal of Orthodontics (DPJO).

Um modelo computadorizado tridimensional foi construído com o propósito de analisar a distribuição das tensões no disco articular induzidas pelo uso da mentoneira ortopédica. As imagens de uma tomografia computadorizada de um crânio seco jovem forneceram os dados necessários para a construção da mandíbula e da fossa mandibular. O disco articular foi desenhado graficamente no espaço entre o côndilo e a fossa articular, com auxílio do software tipo CAD (Rhinoceros 3D). O modelo foi exportado logo após para o software ANSYS, que executou as simulações e calculou, por meio do método dos elementos finitos (MEF), as tensões presentes no modelo do disco.

Uma carga de 4,9 N (500g), foi aplicada no ponto cefalométrico Pogônio com angulações de 30,4 e 50 graus, em relação ao plano mandibular Gônio-Mentoniano. As cargas nas três diferentes direções foram decompostas nos eixos y e z do software ANSYS, produzindo vetores para as diferentes simulações. Esses vetores foram aplicados diretamente na superfície inferior do modelo do disco articular, especificamente na área que mantém contato com a superfície superior do côndilo. As tensões de compressão e tensão presentes no modelo do disco foram analisadas pelo MEF.

Assim como nas funções normais, o disco articular amortece a carga (TANAKA, et al., 2001) e distribui as tensões produzidas pela terapia ortopédica, transferindo para a fossa mandibular e base do crânio, tensões de menor intensidade. Outro achado bastante relevante foi a diminuição das tensões presentes no modelo tridimensional quanto mais vertical as cargas do aparelho ortopédico eram simuladas.

A partir dos resultados obtidos, os clínicos terão um melhor conhecimento dos efeitos dessa terapia nas alterações morfológicas e na inibição de crescimento mandibular em seus pacientes.

Referências

TANAKA, E., et al. Stress analysis in the TMJ during jaw openning by use of a three-dimensional finite element model based on magnetic resonance images. Int J Oral Maxillofac Surg. [online]. 2001, vol. 30, no. 5, pp. 421-430, ISSN: 0901-5027 [viewed 26 February 2018]. DOI: 10.1054/ijom.2001.0132. Avaliable from: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/11720045

Para ler o artigo, acesse:

CALÇADA, F.S., et al. Distribution of stress on TMJ disc induced by use of chincup therapy: assessment by the finite element method. Dental Press J. Orthod. [online]. 2017, vol. 22, no. 5, pp. 83-89, ISSN: 2176-9451 [viewed 26 February 2018]. DOI: 10.1590/2177-6709.22.5.083-089.oar. Disponível em: http://ref.scielo.org/nqw7g5

Link externo

Dental Press Journal of Orthodontics – DPJO: <http://www.scielo.br/dpjo>

 

Como citar este post [ISO 690/2010]:

CALÇADA, F.S., et al. Em qual região do disco articular encontramos a maior concentração de tensões quando uma mentoneira ortopédica é instalada? [online]. SciELO em Perspectiva | Press Releases, 2018 [viewed ]. Available from: https://pressreleases.scielo.org/blog/2018/03/01/em-qual-regiao-do-disco-articular-encontramos-a-maior-concentracao-de-tensoes-quando-uma-mentoneira-ortopedica-e-instalada/

 

Leave a Reply

Your email address will not be published.

Post Navigation