Qual barreira biológica é eficaz para contenção de aerossóis em consultórios e clínicas odontológicas em tempos de COVID-19?

Por Victor Angelo Martins Montalli, Professor de Microbiologia e membro da Comissão de Biossegurança, Faculdade São Leopoldo Mandic, Campinas, SP, Brasil

Voltar às atividades odontológicas em época de COVID-19 exige cuidados e proteção. Um equipamento interessante para a possível contenção de gotículas e aerossóis é a Barreira Individual de Biossegurança Odontológica – BIBO, que consiste em um bastidor acoplado a um filme de PVC e TNT. Embora divulgado na internet, ainda não estava na literatura. Por isso, alguns professores da Faculdade São Leopoldo Mandic se uniram para realizar um estudo preliminar, em junho de 2020, comparando a dispersão da alta rotação (AR) sem e com esse material. Liderado pelo Prof. Dr. Victor Montalli, e com o apoio do Prof. Dr. Marcelo Napimoga, o ensaio apontou uma redução média de 94,9% na dispersão dos aerossóis, o que significa ser uma alternativa segura e validada para uso no dia a dia do cirurgião-dentista.

No estudo “Individual biosafety barrier in dentistry: an alternative in times of COVID-19. Preliminary study”, publicado no periódico RGO – Revista Gaúcha de Odontologia (vol. 68), é apresentado uma alternativa de barreira individual de biossegurança odontológica (BIBO), a turbina da alta rotação foi ativada durante um minuto em uma solução de Lactobacillus casei, a qual havia sido previamente acrescentada no reservatório de refrigeração de um equipamento odontológico; e placas de petri contendo ágar MRS foram posicionadas, a partir do apoio de cabeça de uma cadeira odontológica, nas distâncias de 50 cm, 100 cm e 150 cm, em diferentes ângulos (90 e 0 graus). Na distância de 50 cm, a média (desvio padrão) de L. casei para AR foi de 13.554,59 (493,48) UFC, enquanto a associação AR/BIBO foi de 570,67 (60,54) UFC, estabelecendo uma redução de 96% (p<0,0001).

Imagem: MONTALLI, et al. (2020).

Figura 1. Barreira Individual de Biossegurança Odontológica (BIBO): Este modelo utiliza a) bastidor de 25 cm de diâmetro; b) filme de PVC e TNT (40g/cm2) medindo 1,5 x 1,5 m e c) vista superior e lateral da BIBO.

Considerando esses resultados preliminares, e o modelo de estudo utilizado, a barreira individual de biossegurança odontológica (BIBO) se mostrou eficiente em reduzir a dispersão da turbina de alta rotação, o que sugere que o seu uso pode ser uma alternativa para a melhoria da biossegurança em ambientes odontológicos.

No primeiro vídeo, o prof. Ademir Franco apresenta a importância e os detalhes do estudo, de forma objetiva e com linguagem para todos os públicos. O estudo foi desenvolvido pelo grupo de pesquisa da Faculdade São Leopoldo Mandic. No segundo vídeo, o prof. Victor Montalli ensina como montar a Barreira Individual de Biossegurança Odontológica (BIBO). Esta alternativa pode contribuir para o controle da dispersão de gotículas e aerossóis gerados em ambiente odontológico. Este dispositivo, que viralizou na internet, foi testado e validado pela equipe de pesquisa e converge para a cultura maker, que permite aos profissionais montarem este aparato e com o uso deste, mantendo a biossegurança dos profissionais e pacientes.

 

 

Ver essa foto no Instagram

 

A preocupação em realizar um atendimento odontológico seguro, em tempos de pandemia de covid-19, tem sido um dos assuntos mais abordados do segmento. Isso porque os consultórios apresentam risco de contágio elevado, devido às gotículas e aos aerossóis gerados. A SLMANDIC, pensando na saúde desses profissionais e de seus pacientes, preparou um vídeo explicativo sobre como produzir, de maneira simples e com poucos recursos, a Barreira Individual de Biossegurança Odontológica – BIBO. Trata-se de um dispositivo que promete reduzir os riscos de contaminação vinculados às gotículas e aos aerossóis gerados durante o atendimento odontológico. Participe, também, do curso gratuito de Imersão em Biossegurança em Tempos de Pandemia, e aprenda todas as medidas de biossegurança necessárias frente à covid-19, para um atendimento Odontológico seguro. ➡Link na Bio:@saoleopoldomandic ⠀ #Slmandic #saoleopoldomandic #odontologia #odonto #biossegurança #dentista @victormontalli

Uma publicação compartilhada por São Leopoldo Mandic (@saoleopoldomandic) em

 

Referências

FREITAS, A.R.R., NAPIMOGA, M. and DONALISIO, M. Assessing the severity of COVID-19. Epidemiol. Serv. Saúde [online]. 2020, vol. 29, no. 2, e2020119, ISSN: 2237-9622 [viewed 17 August 2020]. DOI: 10.5123/s1679-49742020000200008. Available from: http://ref.scielo.org/jywfw8

NAPIMOGA, M.H. and FREITAS, A.R.R. de. Dentistry vs severe acute respiratory syndrome coronavirus 2: how to face this enemy. RGO, Rev. ,Gaúch. Odontol. [online]. 2020, vol. 68, e20200011. ISSN 1981-8637 [viewed 17 August 2020]. DOI: 10.1590/1981-863720200001120200034. Available from: http://ref.scielo.org/k28yyt

WU Y., et al. SARS-CoV-2 is an appropriate name for the new coronavirus. The Lancet [online]. 2020, vol. 395, no. 10228, pp. 949-950, ISSN: 0140-6736 [viewed 17 August 2020]. DOI: 10.1016/S0140-6736(20)30557-2. Available from: https://www.thelancet.com/pdfs/journals/lancet/PIIS0140-6736(20)30557-2.pdf

Para ler o artigo, acesse

MONTALLI, V.A.M., et al. Individual biosafety barrier in dentistry: an alternative in times of COVID-19. Preliminary study. RGO, Rev. Gaúch. Odontol. [online]. 2020, vol. 68, e20200088, ISSN: 1981-8637 [viewed 17 August 2020]. DOI: 10.1590/1981-863720200001820200088. Available from: http://ref.scielo.org/ypqmcd

Links externos

Facebook – São Leopoldo Mandic <https://www.facebook.com/saoleopoldomandic>

Instagram – São Leopoldo Mandic <https://www.instagram.com/saoleopoldomandic/>

RGO – Revista Gaúcha de Odontologia: <http://www.scielo.br/rgo>

YouTube – Live – BIBO Controle de riscos biológicos em tempos de pandemia <https://youtu.be/u81kVbpHfUM>

YouTube – São Leopoldo Mandic <https://www.youtube.com/user/slmandic>

 

Como citar este post [ISO 690/2010]:

MONTALLI, V.A.M. Qual barreira biológica é eficaz para contenção de aerossóis em consultórios e clínicas odontológicas em tempos de COVID-19? [online]. SciELO em Perspectiva | Press Releases, 2020 [viewed ]. Available from: https://pressreleases.scielo.org/blog/2020/08/17/qual-barreira-biologica-e-eficaz-para-contencao-de-aerossois-em-consultorios-e-clinicas-odontologicas-em-tempos-de-covid-19/

 

One Thought on “Qual barreira biológica é eficaz para contenção de aerossóis em consultórios e clínicas odontológicas em tempos de COVID-19?

  1. Pingback: Contenção de aerossóis em consultórios e clínicas odontológicas – Biblioteca FMUSP – Oficial

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Post Navigation