Carvão vegetal de resíduos de abatedouro e maravalha são alternativa sustentável para uso doméstico

Maria Luiza De Grandi, jornalista da revista Ciência Rural, Santa Maria, RS, Brasil.

Julio Peretti da Silva, Universidade do Estado de Santa Catarina, Programa de Pós-graduação em Engenharia Florestal, Florianópolis, SC, Brasil.

Logo do periódico Ciência rural

Sendo o combustível ideal para uma churrasqueira, o carvão vegetal é amplamente utilizado na cocção de carnes neste formato. No mercado, existem diferentes tipos de carvão com essa finalidade, que se diferenciam por seu material de origem. Com o objetivo de determinar a viabilidade técnica da produção de carvão para churrasco, usando briquetes produzidos com diferentes misturas contendo lodo de abatedouro de aves e maravalha de Pinus spp, pesquisadores da Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC) desenvolveram o artigo Compactação como uma alternativa de uso sustentável do efluente flotado de abatedouro de aves para geração de energia, publicado no periódico Ciência Rural (vol.51, nº 12).

Ao desenvolver a pesquisa, os cientistas levaram em conta o aumento considerável da geração de efluentes nos abatedouros de aves nos últimos anos, resultado da crescente demanda por carne de frango ao redor do mundo (ABPA, 2019), combinado com a necessidade de desenvolver novas formas de energia renovável. Para chegar aos resultados, lodo de abatedouro de aves e maravalha de Pinus spp foram misturados, derivando nove tratamentos contendo lodo e um contendo apenas a maravalha. Após, quatro briquetes de carvão, de cada tratamento resultante, foram produzidos e carbonizados. Os resultados demonstraram que é possível misturar um resíduo da indústria de produção de alimentos de origem animal (abatedouro de frangos) com resíduos de origem vegetal (da indústria de conversão da madeira) para a produção de carvão vegetal para uso doméstico.

Fotografia de 8 amostras de carvão com diferentes tratamentos em um fundo branco.

Imagem: Julio Peretti.

A inovação dessa pesquisa está na mistura de resíduos de fonte animal à resíduos de fonte vegetal para a produção de um produto inédito para a cocção de alimentos. “O uso destes resíduos, que se não fossem utilizados estariam gerando sérios problemas de impacto ambiental, se torna uma alternativa sustentável de energia para uso residencial, na cocção de um alimento tão apreciado nas regiões sul e sudeste do Brasil, mas que pode ser extrapolado para todo o mundo.”, explica o pesquisador Julio Peretti da Silva.

Os resultados dessa pesquisa têm um grande impacto na prática. “pesquisa demonstra a aplicabilidade e viabilidade técnica de se usar resíduos de diferentes indústrias de forma integrada, por meio de misturas de ambos, na produção de um novo produto energético de uso para a casa das pessoas, e principalmente para produção de alimento.”, acrescenta a pesquisadora. Apesar da mistura de resíduos para a produção de carvão do tipo briquete não ser uma novidade, a pesquisa traz um ineditismo ao misturar lodo de abatedouro de aves e maravalha de Pinus SP.

Referências

Relatório Anual de Atividades 2019 [online]. Associação Brasileira de Proteína Animal. 2019 [viewed 14 July 2022]. Available from: https://abpa-br.org/wp-content/uploads/2019/08/Relat%C3%B3rio-Anual-2019.pdf

BRAND, M. A., et al. Quality of charcoal for domestic consuption marketed in the southern highlands region of Santa Catarina. Rev. Árvore [online]. 2015, vol. 39, no. 6, pp.1165-1173 [viewed 14 July 2022]. https://doi.org/10.1590/0100-67622015000600020. Available from: https://www.scielo.br/j/rarv/a/zpTfWvNQQZb6jbQCT34835Q/?lang=pt

Para ler o artigo, acesse

SILVA, J.P., et al. Compaction as a sustainable alternative to dried sludge from poultry slaughterhouse wastewater for energy generation. Cienc. Rural [online]. 2021, vol. 51, no. 12, e20200320 [viewed 14 July 2022]. https://doi.org/10.1590/0103-8478cr20200320. Available from: https://www.scielo.br/j/cr/a/GhY6HLkXvmrqXScb8SbpB7c/?lang=en

Links externos

Ciência Rural – Redes Sociais: Twitter | Instagram | Facebook

Ciência Rural: http://coral.ufsm.br/ccr/cienciarural/

Ciência Rural – CR: https://www.scielo.br/j/cr/

 

Como citar este post [ISO 690/2010]:

GRANDI, M.L. and SILVA, J.P. Carvão vegetal de resíduos de abatedouro e maravalha são alternativa sustentável para uso doméstico [online]. SciELO em Perspectiva | Press Releases, 2022 [viewed ]. Available from: https://pressreleases.scielo.org/blog/2022/07/14/carvao-vegetal-de-residuos-de-abatedouro-e-maravalha-sao-alternativa-sustentavel-para-uso-domestico/

 

Leave a Reply

Your email address will not be published.

Post Navigation