Category: Ciências Humanas

Intervenções psicológicas com alunos do Ensino Médio público mediadas pela Arte

Psicólogas e pesquisadoras do desenvolvimento de adolescentes desenvolveram uma pesquisa-intervenção com 70 estudantes do ensino médio público e observaram que atividades de natureza artística e reflexiva promovem o interesse e envolvimento dos jovens no debate sobre temas relacionados a sua vida atual e futura. A pesquisa foi realizada em uma escola pública estadual da periferia da cidade de Campinas-SP, com duas turmas de segundo ano noturno, nos dois semestres letivos de 2017. Read More →

Existem barreiras para o uso de criatividade nas áreas científicas?

A criatividade é um assunto crucial para a ciência. A pesquisa científica não deve se restringir ao desenvolvimento e à aplicação lógica de ideias conhecidas, mas deve promover novas ideias para expandir o conhecimento além das fronteiras existentes. Nenhum pesquisador está imune ao viés cognitivo que pode existir em suas publicações. O viés da confirmação é um erro comum nos artigos científicos. Read More →

Serão a criatividade e inovação as novas competências para o século XXI?

Tanto a criatividade quanto a inovação vêm sendo valorizadas como importantes habilidades para o século XXI. No entanto, uma série de dificuldades vêm sendo destacadas na literatura científica sobre os construtos. Seriam eles distintos, sinônimos ou complementares? As três vertentes teóricas serão abordadas no texto, na tentativa de responder a tal questão. Read More →

Os museus a serviço da sociedade: conservação e documentação aos olhos da comunidade

Desde a sua função de produzir conhecimento até as suas relações sociais com uso de espaços físicos e de compartilhamento de informação, os museus detêm um papel de mediador na sociedade contemporânea pleno de privilégio pela empatia que provocam e pelos recursos de que dispõem. Tal lugar carrega de responsabilidade instituições tradicionais. O caso do Museu Goeldi não é diferente e, em sua trajetória sesquicentenária, assume proporção ainda maior por sua localização geográfica e seu compromisso com a região que estuda. Read More →

Coleções: protagonismo indígena e curadoria compartilhada

No contexto de museus há várias formas de considerar o tratamento das coleções, que se constituem documentos de memória de povos, tradições, culturas. Uma responsabilidade institucional envolve o trabalho de curadores e estudiosos já que o patrimônio sob a guarda de museus no mundo inteiro são também fonte de pesquisa e, por conseguinte, formação de novos profissionais, pesquisadores em áreas como as que atua o Museu Paraense Emílio Goeldi, em Belém. Read More →

Línguas indígenas são herança cultural ameaçada

Com línguas ameaçadas de extinção por serem faladas por poucos indígenas, torna-se urgente a identificação e o registro desse elemento fundamental da cultura. Pesquisadores do Brasil e de outras partes do mundo se dedicam ao registro e à preservação dessas línguas. A Linguística é uma das áreas de concentração do conteúdo publicado no Boletim do Museu Paraense Emílio Goeldi. Ciências Humanas. Ao final confira alguns dos mais recentes estudos. Read More →

Pesquisa garante longa vida para as línguas indígenas da Amazônia brasileira

Conhecer e preservar línguas indígenas essa é o cerne da Linguística indígena. Há quase cinco décadas, pesquisadores nacionais e internacionais estudam línguas faladas na Amazônia brasileira. Os estudos se voltam em particular para o estado de Rondônia, onde se concentra a maior diversidade de línguas. O Boletim do Museu Paraense Emílio Goeldi. Ciências Humanas tem sido espaço constante da produção desse conhecimento. Read More →

Os impactos na saúde do povo Munduruku após séculos de invasões e violência

A garantia de direitos às populações indígenas representa um avanço para todas as etnias expresso na Constituição Federal de 1988 que reconhece sua cidadania e autonomia. Ainda assim, obstáculos no setor das políticas públicas de saúde voltadas para essas populações, mostram um quadro deficitário e desarticulado no que se refere a tratamento e prevenção. Read More →

Balata, cumaru e a exploração de recursos na Amazônia

Acesso, reciprocidade, socialização, organização de trabalho e produção cultural dentre populações regionais na extração de uma ou outra commodity em particular são aspectos considerados por pesquisadores que publicam no Boletim. Dois artigos publicados em 2018 se reportam ao uso de recursos como o látex e sua exploração atual, na porção oeste da Amazônia brasileira, e o cumaru, espécie aromática e a exploração pelos Mapoyo na Venezuela. Read More →

Memórias, modos de vida e vestígios de atividade humana

Estudar populações do passado a partir da análise dos vestígios materiais resultantes da atividade humana é o trabalho da arqueologia. No Pará, algumas culturas são bastante conhecidas como a Marajoara (Ilha do Marajó), a Tapajônica (Santarém) e a Konduri (bacia do Rio Trombetas). Read More →