Estresse ocupacional em profissionais da saúde da linha de frente no combate a COVID-19

Identificou-se estressores ocupacionais em profissionais de saúde e as intervenções voltadas para a prevenção no contexto da COVID-19, fundamentado no Modelo de Betty Neuman. Os estressores foram categorizados em intrapessoais, interpessoais e extrapessoais. Já, as intervenções foram elencadas segundo o nível de atenção à saúde primário, secundário e terciário.  Read More →

Transformação Digital: a constante necessidade de adaptação

Transformação digital é um assunto que está presente em uma série de linhas de pesquisa, com destaque para o campo da administração. Discussões importantes para o avanço da literatura, abordando questões organizacionais, educacionais, e relativas à esfera pública, destacando o impacto da velocidade observada nas rupturas tecnológicas e evidenciando a constante necessidade de adaptação estão no escopo da área, e enriquecem o debate sobre o tema. Read More →

Impacto psicológico da COVID-19 nos profissionais de saúde

Os profissionais de saúde que tratam doentes com COVID-19 têm sido colocados sob exigências extremas. Os resultados deste estudo apontam um impacto psicológico muito significativo, com importantes prevalências de depressão, ansiedade, insônia e estresse, existindo ainda reporte de outras sintomatologias adicionais. Read More →

Paulo Freire e a educação de pessoas trabalhadoras

No ano em que se comemora o centenário de Paulo Freire, pesquisa apresenta encontros e reencontros com o referencial freireano, ao refletir experiências de diversas práticas educativas com pessoas trabalhadoras, vivenciadas inicialmente em movimentos populares e que chegam à escola pública. Como um dos resultados, os sentidos produzidos por essas práticas, ou, melhor dizendo, ao retomá-las como práxis educativas, foi possível perceber o caminho de ressignificação de uma luta pela alfabetização de jovens e adultos, o qual foi se reconstituindo como defesa da escola pública para os trabalhadores. Read More →

A escola pública na linha de tiro

Como os professores lidam com situações de violência, comuns em territórios conflagrados do Rio de Janeiro? Por que permanecem em escolas que são afetadas por conflitos armados, apesar dos riscos de morte? As respostas que obtivemos expressaram uma ampla visão do valor social da escola pública e do trabalho docente. Read More →

Quando mulheres têm suas imagens íntimas divulgadas sem autorização: qual o lugar da saúde?

O artigo discute, a partir da escuta de mulheres expostas e de profissionais da saúde que atenderam mulheres nessa situação, que tipo de agravos essa violência tem gerado e quais cuidados em saúde ela demanda. Evidenciou-se a associação da exposição a outras violências e a centralidade da privacidade nos atendimentos. Read More →

Uberização: símbolo do trabalho precário

O trabalho prestado por meio de aplicativos de transporte de pessoas, entrega de mercadorias ou de alimentos expande-se cada vez mais e ganhou uma força gigantesca com a pandemia da COVID-19, por causa dos altos índices de desemprego e a crescente demanda de entregas em domicílio. Por trás da rapidez, baixo custo e comodidade existe uma relação de trabalho precarizada e sem garantias trabalhistas. Read More →

Resultados de um programa de liderança em segurança do paciente para enfermeiros-chefe e enfermeiros clínicos

Como prioridade global em saúde, destacam-se a liderança e segurança do paciente. Por meio do estudo, foi comprovado que o comportamento de liderança e o comportamento de segurança de enfermeiros que receberam capacitação sobre a temática melhorou significativamente, gerando impacto positivo na autoeficácia e esgotamento no trabalho. Read More →

As ciências da linguagem e os discursos sobre a pandemia: a questão da ética

O difícil momento pandêmico que estamos vivendo demanda uma postura ética de cada cidadão, posição defendida por Bakhtiniana (16.4), em “Pandemia, ética e discursos”. A busca e reconhecimento dessas variadas posturas eticamente responsáveis podem ser comprovadas nos artigos do número, que analisam os variados discursos em circulação no período e os valores por eles propalados. Read More →

Acesso a medicamentos como um bem comum do SUS

Entrega de medicamento em atendimento de farmácia

Os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável para 2030 foram propostos pela Organização das Nações Unidas, e no objetivo sobre saúde e bem-estar, a garantia de acesso a medicamentos é apontada como uma meta fundamental. No Brasil, assim como em muitos países, não há uma cobertura ideal, mas é preciso chegar lá. Read More →